domingo, 11 de setembro de 2011

Santiago do Chile

No ano de 2009 resolvi conhecer os vizinhos da América do Sul.
Planejei e executei, junto com a amiga Maria Olivia, uma viagem pelo Chile e Argentina.
A viagem começou em Santiago do Chile, passou por Mendonza terminando em Buenos Aires.
Muito diferente da viagem à Europa no ano anterior, dessa vez eu pesquisei antes o que comeria, pois não gostaria de comer mal.
Levei uma lista com dicas do que gostaria de comer. Algumas delas consegui realizar, mesmo que a contra gosto da Maria Olivia que não é uma comilona como eu e às vezes torcia o nariz para algumas comidas mais "exóticas".
Quero destacar que os frutos do mar são a parte da gastronomia chilena que todo mundo gosta.
Camarão, Centolla (aquele caranguejão gigante e caro), Congrio e Cerviche, todos com muito coentro, são muito comuns em Santiago. Se você gosta também use e abuse!
Vou listar o que consegui comer em Santiago do Chile:

Congrio

+Congrio
Onde? Uma rua próximo ao Cerro St Lucia chamada Calle José Victorino Lastarria que tem vários restaurantes legais.
Avaliação: Esse peixe de carne branca é muito popular no Chile. No primeiro dia da viagem comemos  um prato de congrio que veio acompanhado de batatas fritas e um molho a base de limão e coentro. Um delícia.


Mote com Huesilos - Nessa foto a tal calda já tinha sido consumida

Onde encontrar o Mote com Huesillos

 +Mote com Huessillos
Onde? Vende em qualquer esquina geralmente em carrocinhas. É muito popular em Santiago.
O que é? Vários grãos de trigo afogados em uma calda de pêssego igual aquela do pêssego em calda das latinhas sabe? Vem acompanhado com alguns pedaços de pêssego.
Avaliação: Particularmente achei muito doce (e olha que gosto de doce). Mas acho que no verão, vale a pena experimentar porque é geladinho e refrescante.


Centolla

Centolla
+Centolla
Onde? No mercado municipal de Santiago do Chile.
O que é? Um caranguejão que todo mundo deseja e custa um caro, principalmente para viajantes mochileiros como eu. Mas segundo os entendedores, é muito saboroso.
Avaliação: Para não deixar de provar essa iguaria e sem saber se iria gostar, fui aconselhada a provar um prato menor chamado Centolla primavera.
Era um prato com pedaços de centolla acompanhado de salada e um molho à base de coentro. Não era uma centolla inteira como todo mundo faz. Para falar a verdade, achei normalzinho. Mas leve em consideração que não sou muito fã de caranguejos.


Cachorro quente com palta - o creme verde por baixo de tudo
 +Palta
Onde? No cachorro quente da Rede Dominó.
O que é? Uma pasta SALGADA de abacate. Aliás vocês sabiam que só nós brasileiros comemos abacate doce?  Fica lado a lado do catchup e mostarda e os chilenos comem com tudo.
Avaliação: Bem temperado o abacate vira um patê saborosíssimo. Acho que vale a pena provar! O cachorro quente da rede dominó também gostei bastante.


Suco de Chirimoya (esq.) e Framboesa (dir.)
+Suco de Chirimoya
Onde: Em qualquer lugar. Essa fruta é muito popular no Chile.
O que é? Uma fruta azedinha deliciosa.
Avaliação: Adorei. Pode ser consumida em forma de suco ou de sorvete.


Vinagrete de Coentro

+Vinagrete de Coentro
Onde? Em todos os lugares
O que é? Bem parecido com nosso vinagrete, só que, com bastante coentro.
Avaliação: Bem saboroso


Aji Chileno

+Aji
Onde? Em todos os lugares
O que é? Um molho parecido com o catchup porém com pimenta suave.
Avaliação: Como não gosto de pimenta, provei mais não gostei. Minha amiga Maria Olivia adorou e sonha com ele até hoje hehe

+Pisco Sour
Onde? Em qualquer bar, restaurante, happy hour...
O que é? Um drink à base de pisco (a cachaça deles), limão e clara de ovo.
Avalição: A clara de ovo confere ao drink uma textura espumosa. Uma delícia. Gostei tanto que trouxe uma garrafa de pisco e fazia sempre aqui em casa.

Outras coisas que não provei, mas valem como dica:

Pastel de Choclo - uma torta de milho recheada com carne moída, frango, azeitonas, ovo, cebola, temperos mil, e uvas passas.


Empanada – Diferente das empanadas argentinas as do Chile são fritas, parece nosso pastel! Tem com os mais diversos recheios.


E para finalizar a mais preciosa dica: Seja no verão ou no inverno não esqueça de arrematar com um sorvete artesanal de chocolate com manjericão (só no inverno) do Emporio la Rosa (calle Merced, 291) é muitooooo bom, acredite.

5 comentários:

  1. Oi Dani

    Adorei. Adoro pratos e curiosidades típicas da culinária local. Eu provei a centolla no mercado Público. Achei nada de mais e muito cara. Na próxima vou arriscar outro restaurante.
    Beijos e adoro as comidas do chile
    Alexandra
    @cafeviagem

    ResponderExcluir
  2. Ótimo blog! Adoro experimentar comidas diferentes! Estou no Chile agora q tirando o caranguejo, vou experimentar tudo!

    ResponderExcluir
  3. Adoro experimentar coisas diferentes. Estou no Chile agora e já anotei as suas dicas! Obrigada!

    ResponderExcluir
  4. Ótimo blog! Adoro experimentar comidas diferentes! Estou no Chile agora q tirando o caranguejo, vou experimentar tudo!

    ResponderExcluir
  5. Para uma visita gastronômica diferente a sugestão é comer um lomito na Fuente Alemna - uma experiência incrível, não só pelo sanduíche, mas também pelo ambiente.

    ResponderExcluir

Booking.com
Pin It button on image hover