sexta-feira, 11 de novembro de 2011

Foz do Iguaçu Brasil /Puerto Iguaçu Argentina

No fim de outubro eu e o marido decidimos aproveitar a promoção da TAM, e torrar algumas milhas que iam expirar conhecendo um lugar que a muito estava na nossa listinha: As Cataratas do Iguaçú
Na sexta à noite rumamos para Foz do Iguaçú, depois de pesquisar com alguns blogueiros experientes  @carolmayr do site Dicas e roteiros de viagens, @aventureiros do site Trilhas e aventuras e também no Trip Advisor. Agradecimentos aos dois bloqueiros que me ajudaram muito!

E lá fomos nós com uma listinha de restaurantes de peso debaixo do braço!

No sábado conhecemos o Parque da Cataratas do Iguaçú no lado brasileiro e também o Parque das aves que é lindo de morrer e vale muito a pena.



Como os dois ficam bem próximos e acabamos terminando cedo os passeios, seguimos dica de um rapaz que conhecemos na fila: "Vá dutty free da fronteira e aproveite para jantar em Puerto Iguacú, lá tem muito mais opções para se comer bem".

Na nossa listinha haviam pelo menos uns 3 restaurantes para conhecer aquele lado, então, a dica do rapaz foi decisiva para nossa escolha. Fomos para a Argentina.

Depois do Dutty free (embora enorme, eu não achei nada demais nos preços) fomos a procura de um restaurante para jantar.

Depois de pensar e chegar na porta dos 3 restaurantes que estavam na nossa listinha, optamos pelo AQVA.

O restaurante em si é uma graça. Todo em madeira clarinha com uma iluminação quente tem uma ótima atmosfera.



Sentamos na mesa ao lado da janela e começamos os trabalhos.



Logo veio o couvert oferecido pelo restaurante: uma cestiha de pães, manteiga e os palitinhos crocantes grissini. Achei que os pães poderiam vir quentinhos.


Não demorou muito, chegaram nossos pratos:

bife de chorizo com vegetais
O marido foi de bife de chorizo acompanhado de vegetais. O prato estava muito bonito e ele gostou bastante. Dei minha provadinha, lógico e gostei também. Para quem não sabe o bife de chorizo é uma especialidade argentina. Segundo alguns especialistas em carne, pode ser comparado ao nosso conta-filé. Segundo outros especialistas em carne não é o nosso contra filé e não temos nenhum corte de carne semelhante a esse.

o meu prato
Eu fui de Bondiola de cerdo grillada con salsa barbacoa, Blini de batata, crema de choclo y enchalote.
Complexo não é? Eu explico:

Bondiola de porco no Brasil corresponde ao pernil do porco. A carne estava macia e veio com um molho barbecue sensacional!

O meu prato de outro angulo

Blini de batata, crema de choclo y enchalote. O Blini é um bolo e o meu tinha a massa feita de batata doce que adoro. A cobertura era de creme de milho

Para beber vinho branco chadornnay geladinho e água.



De sobremesa? Preferimos comprar alfajors nas lojinhas no entorno.

Conta? Total de 226 pesos (cerca de 100 reais). Achei que foi o local que pagou melhor no nosso querida moeda brasileira (cerca de 2,20 pesos=1 real)!

Depois da conta, um digestivo limoncello. Mais uma cortesia da casa

 

Conclusão: Recomendo muito esse restaurante. Posso dizer que não sou uma pessoa tão carnívora, mas ADOREI o prato que comi, Além disso fomos muito bem atendidos pela equipe do restaurante!

No segundo dia, depois de ter visitado o parque das cataratas do lado argentino que é enormeeeee, a fome bateu forte e como estavamos com o transfer do hotel resolvemos almoçar no restaurante dentro do parque que se chama La Selva.

O restaurante não é nada demais, um típico restaurante turístico, mas como a fome era negra e ainda precisavamos esperar 1 hora para voltar ao hotel, resolvemos comer ali mesmo.

O sistema do restaurante é self service, pague um preço (caro) e como o quanto quiser ou puder.

O buffet tem uma grande variedade de saladas e frutas, 

de pratos quentes.





e também de sobremesa, além de um churrasqueiro pronto para te servir.




Eu e o marido fomos de salada. Confesso que estava ótima.



Para acompanhar fui de costela e o marido também. 




Porém seguindo o conselho do churrasqueiro,o marido encarou uma fraldinha . Provei, gostei e pedi uma fraldinha também.


Nossas saladas eram frescas, o que me surpreendeu, pois a hora já era avançada (já era 17h no horário da Argentina).

As carnes foram servidas ao ponto. Na verdade achei que elas estavam ali na churrasqueira a muitas horas e um pouquinho ressecadas, porém estavam saborosas.

De sobremesa fui de doce de leite, um clássico argentino e uma torta de maçã-nada demais. O Doce de leite estava delicioso, não tem como errar!


O marido foi de mousse de chocolate e uma torta sei-la-do-que também. Achei o mousse um pouco pálido. Nesses casos prefiro não ousar. Prefiro o meu doce de leite.



Conta? Total de 200 pesos (cerca de 100 reais). O rodízio por pessoa custa 90 pesos!!

Achei caríssimo, mas restaurante turistico é assim mesmo: Não se come tãooooo bem e se paga caro por isso. Aliás, isso é matéria para um outro post, o mundo tem que acabar com essa mania de esploração ao turista!

De qualquer maneira se puder alugue um carro e ficque livre para ir ao centro de Pueto Iguazú, senão o La Selva salva bem o dia!

Além das minhas dicas deixo para vocês as outras dicas que colhi antes de viajar com outro blogueiros e que merecem ser consideradas:

Em Foz do Iguaçu:

Churrascaria - Búfalo Branco - Rua Engenheiro Rebouças 530, Foz do Iguaçu


Churrascaria - Rafain das Cataratas

Restaurante italiano - Bella Itália

Em Puerto Iguazú:
Carnes (muitas pessoas nos recomendaram este) - El quincho del tio querido

Restaurante a la carte - La Rueda

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Booking.com
Pin It button on image hover