segunda-feira, 7 de maio de 2012

Comida di Buteco - Boteco Carioquinha - Rio de Janeiro


Depois de muita comilança na Itália, Alemanha, Áustria e Colômbia, essa blogueira resolveu tomar vergonha na cara e fazer uma reeducação alimentar. Toda serelepe e pimpona fez cardápio com a nutricionista, voltou a malhar e cortou os doces.
 
Afastada por semanas (3) das orgias gastronômicas, fui quase seduzida pelo convite de um casal amigo, Dani e Zizi para cair de boca na comida di buteco. Resisti bravamente.
 
O comida di buteco é um concurso que visa eleger a melhor comida de buteco de cada cidade concorrente. Cada bar concorrente inscreve uma receita no concurso. Quem vota, e paga a conta, é você caro comilão.
 
O segundo convite veio do casal Val e Del. Precisávamos marcar um encontro com a desculpa de dar dicas para a próxima viagem deles com destino Itália.
 
Exigência da Val outra comilona assumida: ela queria um bar que tivesse participando do concurso comida di boteco.
 
Não vi nenhuma saída e acabei cedendo #fraca.
 
Depois de pesquisar os concorrentes no site do concurso, a comida que mais me atraiu estava a 10 metros da minha casa. Não tinha desculpa, nos encontramos no Boteco Carioquinha na Lapa.
 
Já havíamos estado ali algum tempo atrás. O que me atraiu voltar? Além da comida concorrente do concurso, a carta de cerveja importadas que se encaixa perfeitamente para minha fase provadora-de-cerveja.
 
Neste encontro, resolvemos pedir o prato concorrente, Vara na Manga (34,00) e um outro chamado Escondidinho de Mortadela (21,00).

Vara na manga
Tudo acompanhado pela Cerveja Coruja extra viva (21,00) -1 litro que foi sugestão da casa e estava na promoção também.


 

Olha, o Vara na Manga apesar de muitos comentários negativos no site do concurso, me agradou bastante. O prato consistia em pão italiano com costelinha suína e chutney de manga.
 
O pão estava fresquinho e a costelinha não veio com tanto osso como falaram lá no site. No entanto, para mim a graça desse prato não está na costelinha em si, mas na combinação do seu molho com o chutney de manga molhado no pão italiano. Espertamente pedi mais molho para colocar no pão. Adoramos!
 
A Val e o Del adoraram o escondidinho de mortadela (21,00).

Escondidinho de mortadela
Sinceramente achei meio enjoativo para o meu gosto acho que por causa do excesso de queijo e molho branco. Mas gosto é gosto. Pode ser que estava concentrada no Vara, sei lá.

A cerveja coruja extra viva, é uma cerveja premium larger e agradou a todos os paladares. O saldo da noite para mim e para o marido foi super positivo.
 
Tão positivo que em uma segunda oportunidade, uma semana depois, resolvemos voltar com outro casal-comilão-amigo, a Renata e o Fabrizio, e com a sobrinha comilona também.
 
Cervejeiros que são, o casal ficou empolgadíssimo com a carta de cerveja.
 
Pedimos tudo igual da primeira vez.
 
A mesma cerveja Coruja extra viva que já havia aumentado de preço (34,00), o mesmo Vara na manga (34,00) que foi devorado pelos comilões presentes e ainda pedimos bis.

Para fechar a noite pedimos a Cerveja Coruja Alba Weizen 600ml feita de trigo (21,00).
 

A  Alba agradou bastante, uma cerveja de trigo produzida em Santa Catarina "Possui corpo intenso, espuma cremosa e um leve toque de malte defumado". Adoramos mas ainda assim continuo preferindo as alemãs Franzishaner e Paulaner industrializadas e de preço mais em conta. Infelizmente ainda não atingi o estágio de apreciar uma loira artesanal. A
 
Depois dessa orgia toda, só me restou a dar nota 9 para o prato concorrente, e voltar à dieta e malhação. Até quando puder resisitir.
 
E você já experimentou alguma comida de boteco concorrente? Conta para a gente.
 
Até o próximo.
 
Boteco Carioquinha
Av. Gomes Freire, 822 - Centro - Rio de Janeiro RJ
(21) 2252-3025

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Booking.com
Pin It button on image hover