sexta-feira, 3 de agosto de 2012

Metro x Hospedagem em Nova Iorque - Aprenda a se locomover com rapidez da cidade


A hospedagem dentro de Manhattan é o item que mais encarece a viagem a Nova Iorque.
 
Por isso, depois de ler o post do blog Raphanomundo, decidimos que alugaríamos um quarto no mesmo site que eles alugaram: o Airbnb.
 
Nesse site além de quartos e Studios, você pode alugar inclusive apartamentos inteiros. 
 
A forma é segura, pois através de um perfil, você pode avaliar o imóvel por fotos e mapas e a reputação do proprietário por depoimentos de antigos hóspedes.
 
O pagamento é feito pelo cartão de crédito ou pay-pal e as regras de cancelamento são diferentes em cada imóvel.
 
Depois de reservado o pagamento do aluguel já vem debitado no seu cartão de crédito, porém eles só liberam o pagamento ao proprietário do imóvel 24 horas depois do seu check-in. Dessa forma caso aconteça algum problema na sua chegada você tem 24h para entrar o contato com eles e dependendo da razão o serviço é cancelado e o pagamento devolvido.
 
Em princípio queria muito alugar o mesmo apartamento que a Rapha alugou, mas o marido achou longe dos principais pontos turísticos.
 
Optamos por um quarto no mesmo bairro, o Harlem, muitos quarteirões abaixo e distante 2 quadras do Central Park.
 
O quarto, esse AQUI, apesar de simples era muito bom. Grande com uma cama confortável, roupas de cama e banho limpas e principalmente ar condicionado.
 
Ficamos praticamente sozinhos no apartamento já que os outros moradores e nós tínhamos horários desencontrados. Sequer conhecemos o dono.
 
No final concluímos que apesar de nossa experiência ter sido boa, se tivéssemos escolhido um imóvel pouco mais longe teríamos nos locomovido mais rapidamente pela cidade.
 
Eu explico por que:
 
O meio de transporte que utilizamos em 100% do tempo foi o metro.
 
Ao compramos o metrocard semanal recebemos um mapa muito útil. Também usamos os APPs para iphone metrO (que uso em todas as cidade q vou) e o NYC subway (não sei se ambos tem para Android).
 
Do Harlem, onde estávamos, até Midtown gastávamos no máximo 15 minutos de deslocamento no trem C, que era o que passava na estação mais próxima da nossa "residência".
 
Porém se tivéssemos ficado 16 quadras acima, teríamos também a opção do trem A que é um trem expresso e só para nas principais estações.
 
Sendo assim, ao invés de levarmos 15 minutos até Midtown levaríamos no máximo 5 minutos de deslocamento.
 
Concluímos que a dica mais preciosa é que, dentro da Ilha de Manhattan, não importa onde você fique hospedada o importante é saber escolher qual estação do metro embarcar.
 
Se você, como nós, não pode pagar os altos preços dos hotéis de Midtown e Downtown não se preocupe, escolha qualquer outro bairro com tranquilidade, sempre dentro da Ilha e atente para o fato de escolher o imóvel ou hotel perto de estações onde param os trens expressos.
 
Como identificar os trens expressos e as suas estações no mapa do metro?
 
 
 
Close em Manhattan
  
Vamos chamar as linhas coloridas de linhas do metro.
 
Em cada linha passam vários trens que são designados por letras. É trem por cima, por baixo pelo lado, uma loucura.
 
Identificando as estações:
 
Se você olhar bem no mapa as estações marcadas com a bolinha branca podemos chamar de estações principais, ou seja, são as estações em que param TODOS os trens que passam por aquela linha.
 
Estações principais (bolinhas brancas) marcadas com retângulo vermelho
 
As estações marcadas com a bolinha preta podemos chamar de estações secundárias, ou seja, normalmente  ali só param os trens locais.
 
Estações secundárias (bolinhas pretas) marcadas com retângulo azul
Como saber que trens que param em cada estação?
 
Olhando no mapa, abaixo do nome de cada estação estão as letras dos trens que passam por ali. Eu disse passam, porém nem sempre param (existem os trens expressos lembra?).
 
Como saber os trens que param ali? As letras marcadas em negrito referem-se aos trens que param naquela estação full time (a outra letra, que não está em negrito, são dos trens que normalmente só param ali em horários especiais).
 
Por exemplo: Você que ir da estação 145 St (linha azul) até a estação 42 St.

Na estação 145 St (linha azul) passam os trens A, B, C, e D, mas somente param as linhas A, C e  D  (em negrito).
 
 
Na estação 42 St passam e param os trens A, C e E (todos em negrito).
 
 
 
Ou seja, cruzando as informações, as opções desse itinerário (da 145 St até a 42 St) são os trens da linha A e C pois  ambos param nas duas estações.
 
Note que se você optar pegar o trem A, no caminho entre a estação 145 St até a estação 42 St ele só para nas estações 125 St e 59 St.
 
Já se você optar pelo trem C, note que ele para em TODAS 11 estações do caminho.
 
Qual trem você pegaria, o trem A ou o trem C?
 
Outro exemplo: se você quiser ir da estação 135 St (que fica a 10 quadras abaixo da estação 145 St) e descer na mesma 42 St, só vai poder pegar o trem da linha C (local) ou andar 11 quadras acima para pegar o expresso A na estação 145 St o que tornaria sua viagem super cansativa.
 
Moral da história: Procure ficar sempre perto das estações marcadas pela bolinha branca. É ali que param a maioria dos trens expressos, que além de muito mais rápidos, funcionam com mais frequência nas altas horas da noite (sentimos na pele).
 
Espero ter ajudado.

6 comentários:

  1. Oi Dani, ótimo post!

    Estou indo para NY agora em setembro e também vou ficar no Harlem, seu post me tirou várias dúvidas sobre o metrô, valew!

    bjos,
    Jonathan Padua

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ola Jonathan

      Fico feliz em poder te ajudar. Se precisar de alguma informação fique à vontade para perguntar.

      abraços

      Dani

      Excluir
  2. Dani, que legal saber que vocês alugaram um apê através da dica lá do blog! De fato, para nossa sorte, no apartamento da Jui, nossa host, o metrô ficava a 5 minutos de lá e era a linha A, tudo de bom!

    Beijo

    :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rapha, na próxima quem sabe eu consiga ficar lá também! Aquele AP era um espetáculo!
      O que fiquei era bom também, mas apesar de mais perto nos deslocávamos mais devagar!

      bjs

      Excluir
  3. Danielle, foi a melhor explicação que encontrei sobre o metrô de NY! Obrigada!!!
    Iremos em outubro e estou me organizando quanto ao roteiro... tens dicas para outubro?
    Bjssss
    Ângela

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Angela
      Fico muito satisfeita por ter te ajudado.
      Esse mês ainda iremos colocar no ar um post com links de sites que me ajudam nas viagens, pode ser que te interesse também. Fique de olho. Se quiser ser avisada dos nossos posts nos siga por email. É só colocar ele naquela caixa no canto superior esquerdo do blog e depois confirmar a inscrição do feedburner que chegara na sua caixa de entrada.

      Um beijo

      Excluir

Booking.com
Pin It button on image hover