terça-feira, 6 de novembro de 2012

Le Collonne Gelateria–Milão–Itália

Sorvetes são meu ponto mais fraco em se tratando de doces. Posso tomar um litro facilmente, porém me controlo.
 
Estando na Itália é impossível não tomar pelo menos um gelato por dia. É sempre minha sobremesa predileta, principalmente no verão.
 
E na nossa passagem por Milão no verão passado não foi diferente.
 
Depois do almoço no Pane e Vino, troquei a sobremesa da casa por um gelato. Como sempre não poderia ser qualquer um. Tinha que ser um gelato artigianale (artesanal).
 
Usamos a estratégia “pergunte um nativo”, neste caso o garçom do restaurante, onde poderíamos tomar um gelato de qualidade.
 
Normalmente a primeira indicação é sempre a gelateria Grom, que apesar de ótima já conhecíamos.
 
Pedimos uma segunda opção e ele nos indicou uma outra gelateria, mas durante as andanças pelo Corso Porta Ticinese, nos confundimos e acabamos parando na Le Collonne Gelateria.
 
P7131007
 
Na verdade o que nos seduziu logo na calçada foi o cheiro de nutela que vinha lá de dentro.
 
A casa é muito mais famosa pelos seus crepes do que pelos seus sorvetes que também são excelentes.
 
O marido pediu um copo pequeno (€2,00) com os sabores nocciola (avelãs) e cioccolato (chocolate).
 
P7131010
 
Eu pedi uma casquinha (€2,00) com sorvetes de cioccolato fondente (chocolate amargo) e pistaccio (pistache) .
 
P7131009
 
Achei interessante que a casa só tinha os sabores tradicionais, com uma exceção: Sorvete de Chá Verde Japonês. 
 
Não experimentei mas achei um tanto exótico para quem curte a bebida. Eles vendiam também Granita Siciliana, que é uma espécie de raspadinha e, sorbeto de frutas vermelhas.
 
 
P7131013
 
Os crepes, ahh os crepes…
…custavam de 3 euros o tipo simples e 3,50 tipo o especial.
Os sabores são estes da foto de baixo.
 
P7131013
 
Acho que o de nutella era o mais apreciado, afinal italianos amam avelãs. O perfume se espalhava pelo ar e me dava água na boca.
 
Se permanecesse ali mais alguns minutos não ia resistir à tentação de comer um crepe. Então sugeri: bora passear, porque além de queimar calorias, a região no entorno ainda tinha muita coisa a oferecer.
 
Le Collonne
Corso di Porta Ticinese 75 Milano

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Booking.com
Pin It button on image hover