sexta-feira, 3 de maio de 2013

Taikô Jurerê–Florianópolis–Santa Catarina

Sem dúvida Jurerê é a praia mais estrelada de Florianópolis.

Eu não disse a mais bonita, mas sim a mais badalada dos endinheirados da cidade.

A praia fica localizada dentro de um bairro/condomínio repleto de mansões. E os restaurantes e bares da orla foram criados para atender esta clientela VIP.

Na beira-mar os lounges reinam em absoluto. É um tal de largas poltronas e espreguiçadeiras pra lá, guarda-sol patrocinado por fabricante de champanhe pra cá.

P3238148

E se você pensa em alugar uma pobre cadeira de alumínio e um guarda sol “pé na areia” prepare o bolso para pagar R$10,00 cada peça.

P3238147

O mar é calmo e perfeito para as crianças, e pensando no custo-benefício, é melhor ficar nos lounges (onde se paga só o que se consome) que alugar as tais cadeiras.

P3238162

Nós resolvemos almoçar no Taikô que era o lounge que tinha pratos com preços mais plebeus.

Primeiro achamos ele que era um restaurante com culinária oriental, mas depois nos certificamos que está mais para Italiano do que Japonês.

P3238149

Escolhemos uma mesa na parte de dentro do restaurante que possui mesas em madeira (=charme) e teto de palha.

P3238161

Enquanto esperavamos a comida, apreciavamos o vai-e-vem dos barcos.

A comida chegou rapidinho.

P3238165

Minha escolha foi,

P3238156

+ Risoto de camarão com limão (R$49,00) – Camarões puxados em azeite de oliva, com raspas de limão e hortelã, finalizados com manteiga e queijo parmesão.

O marido escolheu,

P3238154

+ Salmão Taikô light (R$55,00) – Filé de salmão grelhado, pesto de alcaparras, mix de folhas verdes, camarões blanqueados, manga, tomate cereja e sour cream.

O meu prato estava muito bom. Não havia gosto forte do limão e a manteiga e queijo juntos não estavam enjoativos.

O prato do marido confesso que não me empolgou muito já que não gosto de alcaparras nem fico animada com o salmão.

Ele gostou e ponto. Talvez fosse normalzinho demais. Um prato que poderiamos comer em qualquer restaurante do Rio.

Achamos que a cozinha do Taiko é, digamos, “normal” visto os preços que eles cobram pelos pratos.

O cliente paga pela vista e pela mordomia oferecida.

Ok, nada mais agradável que fazer sua refeição com um DJ tocando e vista para o mar não é mesmo?  Esta é a proposta do local.

P3238160

Achamos que foi uma boa escolha pelas atrações e glamour que envolve o local.

Se você for para Jurerê considere ficar no Taiko no entanto mas não vá pensando que vai pagar caro por uma comida extraordinária.

Pagar caro é o lema do local, afinal você está em Jurerê internacional baby.

Taikô Jurerê

Av. das Lagostas, s/nº - Jurere  Florianópolis

tel. (48) 3282-9714

2 comentários:

  1. Duas coisas: primeiro, fiquei com vontade; segundo, lembrei dos restaurantes na Ilha do Cabo, em Luanda.

    :)

    ResponderExcluir
  2. Dani, é exatamente isso mesmo que descreveste. :)

    ResponderExcluir

Booking.com
Pin It button on image hover