sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015

Hosteria La Vacca m' Briaca–Roma–Itália

Escrito por Dani Bispo

O culpado foi o Bruno Agostini, crítico gastronômico do Jornal O Globo e jornalista no qual tenho admiração pelas suas ótimas matérias.

Na realidade eu já havia caído de encantos pelo bairro de Monti enquanto estava procurando dicas de restaurantes no local e  dei de cara uma matéria dele recomendando a Hosteria La Vaca m' Briaca. Imediatamente marquei como uma das dicas “imperdíveis” da cidade.

Deixamos a ida até lá para o último dia por causa da proximidade do bairro com o hotel. Quanto arrependimento, o bairro é fofo demais e poderia passear ali por dias, semanas.

O local ainda preserva algumas características de comércio de bairro como o verdureiro da esquina, o açougueiro ou um pequeno mercadinho.

P1252815

Por outro lado esse comércio tradicional disputa lugar com badaladas lojas de designers, bares e restaurantes muitos com preços mais em conta que o resto da cidade.

Como tínhamos que ir cedo para o aeroporto chegamos na Hosteria por volta de 12h. Achamos estranho pois estava ainda vazio mas resolvemos arriscar. Nossa sorte porque 30 minutos depois a casa já estava com todas as mesas lotadas.

O local é uma típica cantina Italiana, mais clichê impossível. Toalhas quadriculadas, paredes de madeira e muitas garrafas de vinho espalhadas pelo salão que só serviram para me deixar mais animada e saudosista mesmo antes de partir.

P1252817

Para beber pedimos uma garrafa de Vinho branco Frescati (€20,00), simples mas que eu gosto bastante.

P1252818

Para começar os trabalhos pedimos uma Carciofi alla giudia (€8,00): Não foi a melhor alcachofra que comi em Roma, mas mesmo assim estava ótima.

P1252819

A Isabelle pediu logo um prato de massa, gnocchi com molho de tomate e guanciale, um molho parecido com all’amatriciana.

P1252820

O marido encarou um ravioli com molho de tomate e queijo pecorino. As massas do ravioli e do gnocchi eram frescas e estavam maravilhosas!

P1252822

Eu tinha que me despedir de Roma em grande estilo, assim pedi um Bucatini all'amatriciana con guanciale laziale (€8,00): Massa tipo bucatini e molho à base de tomate, guanciale e queijo pecorino. Só não era melhor que aquela que comi na Trattoria Sora Marguerita mas disputou lado a lado o primeiro lugar nesta viagem.

Quer saber quais os ingredientes de cada um desses pratos?

Leia o post  “O que comer em Roma - Introdução às Comidas Típicas Italianas”

P1252829

Neste ponto do almoço todos estavam MUITO felizes com as suas escolhas. Eu poderia parar por ali.

Mas não, o marido ainda quis comer um segundo prato, Coda alla vaccinara (€19,00): Um ensopado feito de rabo de boi (rabada, saca?) cortado em pedaços e cozido em molho de tomate com muito salsa.

P1252832

Gente eu sou nojentinha para comer certas “partes” de carne mas esse prato eu não resisti, estava maravilhoso. Depois do meu Bucatini all’amatriciana esse prato foi a grande revelação da refeição.

Eu aconselho a quem curte carne não deixar de comê-lo de jeito nenhum.  É imperdível mesmo.

Siga-nos no instagram @comerecocar

A conta dessa comilança ficou na faixa de €80,00. Não achei cara principalmente tendo em vista a ótima qualidade da comida, o fato que bebemos uma garrafa de vinho e que na mesa havia comida para 4 pessoas.

P1252834

Saí de lá suspirando de amor pela comida da Hosteria La Vaca m' Briaca, pelo bairro de Monti e, principalmente, pela Cidade Eterna.

Cada dia mais acho que Roma não pode jamais ser vista em uma única visita. É uma cidade que merece ser saboreada aos poucos.

Arrivederci Roma!

P1252836

Update 09/02/2015

Não teve jeito e na última viagem (dez14/jan 15) voltamos lá. O motivo? Comida boa, localização (amo o bairro de Monti) e preços honestos.

IMG_5727

O lugar dessa vez estava lotado.

IMG_5716

Conseguimos uma mesinha em um cantinho láaa no fundo do restaurante. Além disso a mesa ao lado tinha um grupo de amigas que me parece estavam fazendo uma comemoração de fim de ano e, mulher em bando festa + vinho você já viu né? Mal conseguíamos conversar.

A solução foi beber também para relaxar rs

Pedimos um Vermentino di Sardegna D.O.C. (€22)

IMG_5720

Para comer pedimos pratos completamente diferentes da primeira visita.

Para começar os trabalhos “gordamente” fomos de antipasti fritos

IMG_5733

+ Fiori Zucca fritti con alici (€3,00) – Flor de abobrinha empanada e recheada com alici. Achei um pouco gordurosa, mas bom!

IMG_5732

+ Carciofi alla giudia (€3,00) – Alcachofra à moda judia.

IMG_5735

Nos pratos principais dividimos um  Fettuccine al ragù di coda alla vaccinara (€10,00) – Caracaaaaaaa o que era esse prato? Massa tipo fettuccine com o molho da Coda alla vacinara. Era um prato de comer rezando (para não repetir).

IMG_5737

E para fechar dividimos um prato de carne Abbacchio Scottadito con patate e insalata mista (€16) – costelas de cordeiro com batatas ao forno e saladinha. Também delicioso.

Concluímos que a Hosteria La Vacca m' Briaca continua uma excelente opção para comer em Roma. Nós retornaremos outras vezes

 

Hosteria La Vacca M'briaca

Via Urbana 29/30, Rome, Italy

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Booking.com
Pin It button on image hover